quinta-feira, 10 de abril de 2014

VENHA PARTICIPAR!

II Feira de Ciências de Sinop


Regulamento - II Feira de Ciências de Sinop


II FEIRA DE CIÊNCIAS DE SINOP

O Centro de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica - CEFAPRO do Polo de Sinop/MT, localizada na Rua dos Lírios 460-A. CEP 78550-000. Centro- Sinop/MT, juntamente com a Escola Técnica Estadual de Ciência e Tecnologia – ETECT/Sinop, Secretaria Municipal de Educação – SME, Universidade do Estado de Mato Grosso – UNEMAT/Sinop e Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT/ Sinop instituem a II Feira de Ciências de Sinop, nos termos e condições estabelecidos neste regulamento, adequando-se ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq, instituição fomentadora desta proposta.
A II Feira de Ciência tem como objetivo, promover atividades de iniciação científica nas instituições de Educação Básica do município de Sinop, incentivando alunos e professores a planejar e executar trabalhos científicos que possam ser apresentados à comunidade, possibilitando aos alunos a oportunidade de construir conhecimentos de forma interdisciplinar, criativa e contextualizada.
A elaboração e apresentação dos projetos/trabalhos de pesquisas deverão ser conduzidas por um professor orientador conforme apresentado no item cinco (5) deste regulamento. Sendo assim o resultado dessas pesquisas deverão ser apresentados na etapa escolar e na II Feira de Ciência de Sinop.



quarta-feira, 26 de março de 2014

II Feira de Ciências de Sinop





Para o desenvolvimento da sociedade contemporânea tornou-se fundamental a promoção de uma cultura científica que propicie melhores condições para a busca do conhecimento.  No intuito de promover a ciência, aconteceu (26/03/2014) na dependência do CEFAPRO/Sinop, segunda reunião do ano, para estruturar e definir ações referentes à II Feira de Ciências de Sinop com as instituições envolvidas no projeto. A Feira de Ciências de Sinop será realizada nos dias 04 e 05 de setembro de 2014, no Centro de Eventos Dante de Oliveira. Nesta reunião definiram-se as datas para as formações dos professores que acontecerá nos dias 29 e 30 de abril e em maio nos dias 06 e 07. Os participantes do encontro formativo divulgarão o Projeto em suas unidades escolares. Mais informações sobre a II Feira de Ciências de Sinop estarão disponíveis no regulamento da feira que está sendo construído pela equipe organizadora.

terça-feira, 25 de março de 2014

Acadêmicos da UNEMAT de Sinop





Acadêmicos do curso de graduação de matemática da UNEMAT /Sinop estiveram neste dia 25 de março nas dependências do CEFAPRO para conhecer nossos espaços e algumas das funções formativas do centro. Aproveitaram também para conhecer algumas ações realizadas em 2012 do Projeto Feira de Ciências Municipal, bem como estreitaram parcerias para o desenvolvimento da II Feira de Ciência de Sinop. Sob a coordenação e acompanhamento da Professora Thielide os alunos Rafael, Poliana e Elom bolsistas de iniciação científica do programa PROBIC/UNEMAT e participantes do projeto “Observatório da educação com ênfase em matemática e iniciação e ciências - OBEDUC”. O objetivo dos acadêmicos visam contribuir com a Feira de Ciências colaborando com os professores e alunos das escolas do município que aceitarem  trabalhar com essa proposta. 

segunda-feira, 24 de março de 2014

Arborização pedagógica

Atendendo as atividades do projeto Intervenção Ambiental no contexto da Formação Continuada: Possibilidades na Interface entre a Permacultura e Escola Sustentável desenvoldio pelo CEFAPRO, instituições parceira e a Escola Renee Menezes,  no dia 13 de março os Professores Reginaldo Vieira da Costa, José Paulo da Silva e Adenilse Silva de Jesus estiveram no Viveiro Municipal Roque Canelli de Sinop recebendo os exemplares doados pelo 
mesmo para subsidiar as atividades de arborização da escola Renne de Menezes no Camping Club. Foram doadas aproximadamente 140 mudas, nas espécies de Flamboyant, Angelin de saia, Pinho cuiabano, Pau de balsa, Alecrin e Ipês (amarelo, rosa, roxa, branco). Essas foram levadas até a Escola Estadual Renne de Menezes que realizará o plantio com a finalidade da arborização pedagógica do ambiente escolar, relacionando nessa atividade teoria e prática junto aos alunos. Essa ação tem como objetivo fortalecer o processo ensino/aprendizagem e modificando os espaços da escola, tornando-os mais aconchegante e envolvendo  toda a comunidade escolar, professores desenvolvendo na prática de sala de aula atividades referentes ao projeto e funcionários na realização da compostagem para adubação dos “berços”(local que irá receber as plantas), ação que promove um repensar sobre os descartes de matéria orgânica oriunda da cozinha. Neste movimento, tanto alunos quanto educadores se envolveram desde pesquisa e escolha das espécies e local de plantio destas, possibilitando a construção do conhecimento permeando os conceitos de permacultura e de sustentabilidade.

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

II Feira de Ciências


Nas dependências do Centro de Formação e Atualização dos Profissionais de Educação Básica - CEFAPRO de Sinop  reuniram-se nesta terça-feira (25), formadores do CEFAPRO, professores da rede municipal e professores universitários das instituições UNEMAT e UFMT, para apresentação do Projeto interinstitucional II Feira de Ciências de Sinop e juntos delinearem as ações no decorrer da vigência do Projeto (2014/2015). O encontro foi muito importante e significativo pois foram levantadas demandas formativas, cronograma e as equipes para as primeiras ações do projeto.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Aprendizagem Interativa em Ciências e Engenharia - APICE




A intel e a FEBRACE  criaram a plataforma de Aprendizagem Interativa em Ciências e Engenharia - APICE apoiar o aprendizado em ciências, por meio do desenvolvimento de projetos investigativos e da apresentação de projetos em feiras e mostras científicas. São cursos que se destinam a gestores, professores e estudantes do ensino fundamental, médio e técnico que se interessam por ciências e querem contribuir para um mundo melhor. Os conteúdos e materiais didáticos são gratuitos e disponíveis pela Internet


Sobre os Cursos

A Plataforma Interativa em Ciências e Engenharia - APICE oferece dois cursos on-line para professores e estudantes da educação básica (ensino fundamental e médio) e ensino técnico, são eles: Metodologia de Pesquisa e Orientação de Projetos de Iniciação Científica, e Organização e Realização de Feiras de Ciências e Engenharia. Com uma linguagem dinâmica (fotos e vídeos) e atividades interativas, a APICE oferece conteúdo para apoiar o desenvolvimento de projetos de iniciação científica nas escolas.
No curso de Metodologia de Pesquisa e Orientação de Projetos, professores e estudantes conhecerão os passos para iniciar e desenvolver um projeto de pesquisa e para apresentá-lo em feiras e mostras cietíficas nacionais e internacionais.
No curso de Organização e Realização de Feiras de Ciências, professores e/ou gestores vão entender os diferentes aspectos da organização e realização de uma feira de ciências nos padrões de feiras nacionais.


 Clique aqui para mais informações e inscrição

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Plataforma de Aprendizagem Online

Professores e estudantes do Ensino Fundamental de todo o país podem acessar o conteúdo da Britannica Escola Online, a Platarforma desenvolvida pela Capes junto com ministério de Educação para enriquecer o aprendizado do aluno. Há nessa ferramenta de ensino conteúdo em texto, fotos, imagens, artigos, que poderão ser utilizados para agregar a pesquisas e planos de aulas. O site também possui uma série de recursos interativos, como atlas, vídeos e jogos que complementam o que é desenvolvido em sala de aula. Está disponível em Portal de Periódicos muitos periódicos e artigos que vem contribuir com a prática e a formação continuada do professor.

Confira:


quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

DROPBOX

Dropbox

Quando comecei o mestrado, em agosto deste ano, fui convidada pelo meu orientador Profº Drº Carlos Rinaldi a trabalhar com o DROPBOX, compartilhar textos , atividades a serem realizadas e outros. Comecei com algum receio e já a pensar que ia ter aqueles problemas comuns de falhas de sincronização.  Nada disso! O Dropbox é super simples de usar: basta arrastar ficheiros para uma pasta especial (perfeitamente integrada no sistema operativo), o cliente multi plataforma (Linux, Windows, Mac, IPhone e Android) trata de tudo. Basicamente, quem sabe trabalhar com pastas e ficheiros, sabe trabalhar com o Dropbox, é mesmo muito intuitivo. Todo o processo de sincronização é tratado automaticamente e de forma transparente.
Também é possível partilhar pastas com outros utilizadores do Dropbox para sincronizar os ficheiros de forma colaborativa, para que todos tenham acesso às versões mais recentes dos ficheiros. E já que se fala em colaboração, também é importante dizer que são mantidas várias versões dos ficheiros, para que se possam restaurar versões anteriores. Ainda neste ponto, também existe um relatório em que podemos saber exatamente quem alterou dado ficheiro.
Em termos de espaço, cada conta gratuita vem com 2 GB, que para uma utilização razoável é mais que suficiente. Também existem planos pagos que vão até aos 100 GB, para utilizadores mais exigentes.
Da minha experiência, uso o Dropbox à cerca de 5 meses, e acho uma excelente ferramenta, principalmente devido à integração com o sistema operativo (experimentei em Windows e Linux). Sobretudo, divirtam-se e que esta excelente ferramenta vos facilite tarefas rotineiras, tal como facilitou a minha.  Digam adeus ao email e ao pendrive! Nas aulas de TICs - Tecnologias de Comunicação e Informação, foi trabalhado as potencialidades pedagógicas com o Prof.º Miguel Jorge Neto, excelente semana de trabalho e conhecimento das mais variadas ferramentas da Web que podem facilitar a nossa vida de trabalho pedagógico e social.



quarta-feira, 3 de julho de 2013

Conferência na Escola - até 31/08/2013


Educação Ambiental- IV ConferênciaNacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente

A IV Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA) é um processo dínâmico de diálogos e encontros voltados para o fortalecimento da cidadania ambiental nas escolas e comunidades a partir de uma educação crítica, participativa, democrática e transformadora.
A Confêrencia Nacional trabalhará a temática Vamos Cuidar do Brasil com Escolas Sustentáveis a partir dos projetos de ação selecionados na Etapa Estadual, utilizando metodologias participativas e processos de educomunicação que são detalhados posteriormente, constituindo-se em um processo pedagógico que traz a dimensão política da questão ambiental para os debates realizados nas escolas e comunidades, na construção coletiva de conhecimento e no empenho nas resoluções de problemas socioambientais, respeitando e valorizando a opinião e o protagonismo dos adolescentes e jovens. A IV CNIJMA é destinada ao público das escolas de Ensino Fundamental,  públicas e privada, urbanas e rurais, da rede estadual ou municipal, assim como das escolas de comunidades indígenas, quilombolas e de assentamento rural, e tem o desafio de mobilizar toda a comunidade.

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Livro Encontro e Caminhos volume 1 e 2

Os livros “Encontros e Caminhos: Formação de Educadoras(es) Ambientais e Coletivos Educadores” integra o conjunto de publicações da Diretoria de Educação Ambiental do Ministério do Meio Ambiente, que fornecem elementos para a formação de educadores ambientais na perspectiva crítica e emancipatória.
A formação de educadoras e educadores ambientais está pautada na ideia de que cada indivíduo, cada grupo, cada coletivo é responsável pela sua constante formação por ser conhecedor de suas dificuldades e potencialidades e, dessa maneira, ser capaz de diagnosticar e interpretar a realidade, sonhar sua transformação, planejar intervenções educadoras, implementá-las e avaliá-las. Uma formação que se constrói pelos encontros de saberes, de caminhos, de desejos e onde não há necessariamente “o” conhecimento que precisa ser reproduzido, coisas para serem ensinadas ou explicadas, mas realidades para serem compreendidas e transformadas.

A publicação “Encontros e Caminhos: Formação de Educadoras(es) ambientais e coletivos educadores”, do Ministério do Meio Ambiente (2005) traz os principais autores sobre Educação Ambiental no Brasil escrevendo sobre temas como: ação comunicativa, alteridade, complexidade, coletivos educadores, currículo e EA, justiça ambiental, participação, sociobiodiversidade, transdisciplinaridade, entre outros. Livro para download

O segundo volume do livro foi lançado em 2007 e traz os seguintes temas: atores socioambientais, capital social, comunidades educadoras, conflitos, contextos de aprendizagem, educação e gestão ambiental pública, emancipação, ética, metodologias participativas, percepção ambiental, redes sociais, responsabilidade socioambiental, entre outros. Confira o volume II